Cola para votar para Vereador – Imprimir

Além de decidir o candidato que conseguirá o voto, é muito importante que a população tenha mecanismos para guardar o número correspondente e, nesse momento, a famosa cola é a aliada. Ter uma cola para votar para vereador é essencial e prepara-la não é algo difícil.

 

Quais são os benefícios de levar a cola para vereador?

Quando se leva a cola para votar, quase não existem riscos de o cidadão cometer algum engano na hora de colocar o número na urna. Afinal, a cola evita que o indivíduo precise ficar pensando e tentando relembrar qual é o número do candidato.

colaEleicoes

A questão de espaço também é impactada com o uso da cola para vereador. Levando essa cola, o cidadão vota mais rápido, impedindo que várias filas acumulem-se e que as outras pessoas fiquem esperando. Com a maior rotatividade na zona eleitoral, mais descomplicado fica o dia da eleição.

 

Imprimir a cola para vereador ou escrevê-la: qual é melhor jeito?

As duas maneiras de preparar a cola para vereador são eficientes. Contudo, imprimir a cola causa mais segurança, pois impede que o cidadão não entenda qual é o número que anotou e isso ocorre muito. É normal que o cidadão escreva rapidamente a cola antes de ir votar e, na hora necessária, não entenda aquilo que anotou.

 

O que é preciso ter na cola para vereador?

Apesar de o principal em uma cola para vereador ser o número, é essencial que se coloque outras informações, inclusive para identificar que aquele número relaciona-se a determinado candidato. Dentre as informações que se deve colocar na cola para vereador estão o nome completo e o partido, sendo importante também acrescentar o vice.

 

E se a cola para vereador vier pronta?

Muitos partidários distribuem diversas colas para vereador e não existe problema em usá-las, inclusive porque elas têm a facilidade de já estarem impressas. No entanto, o cidadão precisa verificar qual é o candidato que aparece na cola: é em quem se deseja votar? Sendo “sim”, pode-se usar tranquilamente essa cola para vereador.

>> Clique aqui para baixar grátis o e-book!

Deixe um Comentário